quinta-feira, 11 agosto, 2022
em conformidade com o que estabelece a junta comercial do es - jucesspot_img

Guriri terá cinema de graça no final de semana

Em sua penúltima semana, o 24º Festival de Cinema de Vitória Itinerante desembarca na ilha de Guriri, em São Mateus, onde irá promover exibições gratuitas de filmes brasileiros para turistas e moradores. Lá, as sessões acontecem nesta sexta-feira (26) e sábado (27), a partir das 19 horas, na Av. Oceano Atlântico. Esse circuito de cinema ao ar livre tem percorrido o litoral do Espírito Santo desde o início de janeiro e segue até início de fevereiro.

Situada a cerca de 10 Km da sede do município de São Mateus, Guriri é uma ilha que foi criada a artificialmente e encontra-se separada do continente pelo Rio Cricaré e pelo Rio Mariricu. É um dos balneários mais procurados por moradores do norte capixaba e por turistas vindos, principalmente, de Minas Gerais. O lugar é urbanizado e possui uma diversificada rede de serviços turísticos (hotéis, pousadas, bares, restaurantes etc).

Suas praias têm águas mornas e, durante a alta temporada, são bem movimentadas, especialmente no trecho mais próximo da área urbana. A Av. Oceano Atlântico, via que margeia a praia, conta com ciclovia e calçadão bem cuidados propícios para fazer caminhadas e outros esportes à beira mar. Caminhando para o sul, existe o Bosque da Praia ou Bazoni, trata-se de trecho da praia que possui árvores, principalmente pinheiros, que fazem uma ótima sombra.

Do extremo norte de Guriri fica a Boca da Barra, a foz do Rio Cricaré, de onde é possível avistar a sede de Conceição da Barra, município vizinho a São Mateus. Cerca de 25 Km ao sul da ilha, está situado o balneário de Barra Nova onde o Rio Mariricu desemboca no Oceano Atlântico.

 

Filmes da Itinerância

Sucesso de crítica, “Como Nossos Pais” é escrito e dirigido por Laís Bodanzky (“Bicho de Sete Cabeças”) e estrelado por Maria Ribeiro e Paulo Vilhena. Esse longa teve sua primeira exibição no Festival Internacional de Cinema de Berlim e foi premiado nas categorias  Melhor Interpretação (Clarisse Abujamra), Melhor Direção e Melhor Filme (Júri Popular) no 24º Festival de Cinema de Vitória. Na trama dessa ficção, é explorado o embate de gerações que serve de pano de fundo para a abordagem de temas complexos, como a mortalidade, o feminismo e o papel da tecnologia nos relacionamentos atuais.

O Festival de Cinema de Vitória Itinerante também garante a diversão do público infanto-juvenil com a exibição de seis curtas-metragens que fizeram parte das últimas edições do Festivalzinho de Cinema. São eles as animações “O Projeto do Meu Pai”, de Rosaria; “Luiz”, de Alexandre Estevanato e “Victor”, de Darcy Alcantara, Felipe Gaze e Wolmyr Alcantara; e as ficções “Braços Abertos”, de Monique Lima; “A Piscina de Caíque”, de Gustavo da Silva e “Hora do Lanchêêê”, de Claudia Mattos.

Uma realização da Galpão Produções e do Instituto Brasil de Cultura e Arte, o 24° Festival de Cinema de Vitória Itinerante tem patrocínio do Ministério da Cultura, através da Lei de Incentivo à Cultura, do Governo Federal e da Petrobras. Contribuindo com a formação de plateia, com a difusão do cinema nacional e com a promoção do lazer cultural, esta iniciativa também conta com o apoio da Rede Gazeta, da ArcelorMittal Tubarão, da Caixa Econômica Federal e das Prefeituras locais.  Esse circuito de cinema segue até o próximo dia 02 de fevereiro e percorrerá o litoral do Espírito Santo de norte a sul.

 

SERVIÇO

24° Festival de Cinema de Vitória Itinerante

Guriri – São Mateus – ES (Av. Oceano Atlântico)

– 26 de janeiro de 2018 (Sexta-Feira) – Filmes: “O Projeto do Meu Pai”, de Rosaria; “Luiz”, de Alexandre Estevanato; “Braços Abertos”, de Monique Lima; “Victor”, de Darcy Alcantatra, Felipe Gaze e Wolmyr Alcantara; “A Piscina de Caíque”, de Gustavo da Silva; “Hora do Lanchêêê”, de Claudia Mattos.

– 27 de janeiro de 2018 (Sábado) – Filme: “Como Nossos Pais”, de Laís Bodanzky

 

IMPORTANTE: todas as sessões são gratuitas e têm início às 19 horas!

POSTAGENS RECENTES

EDITORIAS

Relacionadas