domingo, 26 junho, 2022
em conformidade com o que estabelece a junta comercial do es - jucesspot_img

‘Os pensamentos atravessavam minha cabeça’, diz Scooby sobre suas ‘brisadas’

Pedro Scooby foi o 16º participante a deixar a casa do Big Brother Brasil 22 pela votação do público, com 55,95% dos votos, e nesta sexta-feira, 22, participou do Café com o Eliminado, no programa de Ana Maria Braga.

Entre as cenas marcantes do surfista no reality show, estão os momentos em que ele simplesmente parava e ficava olhando para o nada por segundos, sem dizer nenhuma palavra. As cenas foram reproduzidas ao som de Because I Got High, do rapper Afroman, e viraram memes.

Ele comentou sobre essas “brisadas” que teve no programa. “Eu até tenho TDA e eu dou umas flutuadas às vezes, mas aqui fora da casa não é muito notável, porque os meus pensamentos são mais alinhados. Isso nunca me atrapalhou, por exemplo, na escola eu era um excelente aluno.”

Em sua profissão, o ex-brother contou que também nunca teve problemas, pois sempre soube administrar os desvios de atenção. “Mas ali no BBB os pensamentos atravessavam minha cabeça”, disse ele, que completou que também percebia que “estava viajando”.

Carreira e postura no jogo

O surfista também marcou a edição pelo seu jeito good vibes, de sempre olhar o lado positivo das coisas. “Quem já conviveu comigo em algum momento, sabe que o que eu fui no BBB é o que eu sou na vida real.”

Em vários momentos, ele chegou a confessar que nunca assistiu ao programa e também que não ficaria triste em ser eliminado.

“Eu entrei mesmo não sabendo o que me esperava, mas de fato eu nunca olhei para a vitória, eu fui pela experiência, claro que todo mundo vai gostar de ter 1,5 milhão na conta.”

Scooby pontuou que aceitou entrar no reality show mesmo já estando bem profissionalmente. “Quando eu entrei na casa, eu tinha ficado em 2º lugar do mundial de surfe. Eu cheguei a um lugar de ser um dos melhores do mundo no que eu faço. Por isso, eu falo que entrei no BBB pela experiência, pois eu estava no melhor momento da minha carreira.”

Contudo, ele não se arrependeu da decisão. “Eu abri mão disso tudo para viver essa experiência e não me arrependo nem um pouco. Já havia sido chamado para outra edição, mas esse era o momento certo, pois não teria o PA nem o DG”, brincou.

Ele destacou a felicidade por ter conquistado a amizade de Paulo André e Douglas Silva e falou sobre os aprendizados adquiridos no programa. “Essa é a verdadeira vitória, é isso que eu busco na minha vida.”

Marcos Leandro – especial para o Estadão
Estadao Conteudo
Copyright © 2022 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

POSTAGENS RECENTES

EDITORIAS

Relacionadas