Estudante faz tatuagem para vacinação: 'Butantan, vacine aqui' - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Variedades
Estudante faz tatuagem para vacinação: 'Butantan, vacine aqui'
Publicado por Estadão Conteúdo

A chegada da vacina Coronavac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo, tem sido muito comemorada pelos brasileiros, mas um morador do interior de São Paulo se superou no quesito empolgação.

Noriel Henrique Ramos vive em General Salgado e resolveu registrar na pele o local exato que vai receber a vacina. Neste domingo, 24, o estudante de direito tatuou no braço esquerdo "Butantan, vacine aqui".

Segundo Noriel, essa é a sua primeira tatuagem e ele resolveu pedir para o amigo tatuador que mora com ele marcar o símbolo de esperança em seu braço, como forma de incentivo à vacinação.

"Foi minha primeira tatuagem e fiz para incentivar a vacinação, porque algumas pessoas têm ficado com medo. Quem sabe a tatuagem ajuda as pessoas a perceberem que podem ser vacinadas e que tudo isso pode acabar o quanto antes", disse ele ao G1.

O estudante reiterou que acha a imunização muito importante já que a própria mãe já foi diagnosticada com covid-19 no fim do ano passado. Ademarcia Ferreira Ramos, 43, teve febre, dor de cabeça, dor de garganta e nos ouvidos.

"Foi um susto, mas minha mãe está se recuperando. Graças a Deus ela não precisou ser hospitalizada e está fazendo a quarentena em casa, mas ela ficou muito mal. Não é brincadeira", ressalta.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VitóriaNews.