Janete de Sá quer Ales produzindo a energia elétrica que consome - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Sustentabilidade
Janete de Sá quer Ales produzindo a energia elétrica que consome
Publicado por Redação VitóriaNews
Já está na mesa diretora da Assembleia Legislativa do ES, a indicação 3181/2021, da deputada Janete de Sá (PMN), propondo a criação do Programa ALES Sustentável com objetivo de reduzir os gastos com eletricidade. A proposta visa à instalação de um sistema solar fotovoltaico para geração própria de energia.

A ideia da proposta de indicação é tornar a sede do Poder Legislativo mais sustentável e, ao mesmo tempo, criar alternativas financeiras para o alto custo das tarifas de energia elétrica.

“A energia elétrica vem sofrendo grandes ajustes e os aumentos são exorbitantes. Esse tipo de energia elétrica depende exclusivamente da luz do sol, sendo com isso uma fonte de energia inesgotável. Além disso, entre os recursos renováveis como energia eólica, energia hídrica e solar, a energia solar é a mais estável e não causa danos ao meio ambiente. Esta é uma forma de política pública que pode ser uma grande ferramenta para a economia gerada pelo poder público bem como diminuir o dano ao meio ambiente.”, justificou a deputada Janete de Sá, autora da indicação.

No texto da indicação a energia solar captada pelo Programa ALES Sustentável seria utilizada pela própria Assembleia e o excedente da energia gerada pelo sistema de captação será destinado para a rede da concessionária, que devolveria essa energia à Assembleia Legislativa na forma de créditos energéticos.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VitóriaNews.