Orla e aldeias de Aracruz terão 100% de água e esgoto tratados - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Sustentabilidade
Orla e aldeias de Aracruz terão 100% de água e esgoto tratados
Jones Cavaglieri diz que expectativa é melhorar a balneabilidade em toda região da orla, além de reduzir gastos com saúde pública
Publicado por Redação VitóriaNews
Divulgação PMA

Foi aprovado na Câmara Municipal o projeto de lei de iniciativa do Poder Executivo que habilita a Companhia Espírito-santense de Saneamento (Cesan) a realizar o serviço de abastecimento de água e esgotamento sanitário em toda orla e aldeias indígenas de Aracruz. O projeto foi aprovado em 2º turno, com 16 votos favoráveis.

A partir da homologação do contrato, a Cesan terá seis anos para fornecer 100% de água e esgoto tratados. Todas as comunidades da orla aracruzense serão contempladas, além das 12 aldeias Tupinikim e Guarani.

“Com a implantação desse projeto temos a expectativa de melhorar a balneabilidade em toda região da orla, além de redução com gastos em saúde pública, já que todo esgoto que corre a céu aberto, que está indo para praias e rios, será lançado numa estação de esgoto apropriada”, explica o prefeito de Aracruz, Jones Cavaglieri.

De acordo com o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Aracruz (SAAE), será implantado um grande sistema de abastecimento de água e esgotamento sanitário, integrando vários bairros. A próxima fase será a construção de um contrato-programa, que vai delinear como a Cesan executará as obras, estabelecendo diretrizes, cronogramas e responsabilidades.

“Uma fase importante foi vencida, que foi a aprovação desse projeto de lei. A Cesan já encaminhou ao prefeito a minuta do contrato, e agora vamos incorporar algumas cláusulas que, na visão do município, se tornam necessárias”, esclarece o diretor do SAAE, Elias Marochio.

X
Olá! Faça seu cadastro no VitóriaNews.
{{app_feedback}}
{{getTitulo}}
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Comentando como
{{dados_login.nome}}
Sair
{{app_feedback_comment}}
{{comentario.nome}}
{{comentario.comentario}}
Notícias Relacionadas