Ibama e Polícia Militar Ambiental de SP apreendem 10 iguanas, espécie em perigo de extinção - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Sustentabilidade
Ibama e Polícia Militar Ambiental de SP apreendem 10 iguanas, espécie em perigo de extinção
Animais foram detectadas por meio de raio-x no Centro de Tratamento de Cartas e Encomendas dos Correios
Publicado por Redação VitóriaNews
Foto: Divulgação Ibama
O Ibama, em conjunto com a Polícia Militar Ambiental de São Paulo (PMA), apreendeu 10 iguanas, espécie em perigo de extinção, que haviam sido detectadas por meio de raio-x no Centro de Tratamento de Cartas e Encomendas dos Correios em Indaiatuba (SP), nesta terça-feira (01/10).

Dois dos animais estavam mortos no interior da encomenda postal. Agentes ambientais federais e os policiais acompanharam a entrega monitorada da encomenda na casa do destinatário que, após receber os animais, foi multado por praticar maus tratos e por adquirir animais silvestres sem autorização do órgão competente.

O infrator ainda assumiu criar uma ave da espécie trinca-ferro em sua residência sem registro no Sistema de Criação Amadorista de Passeriformes (Sispass), o que também resultou em multa por ter em cativeiro espécime da fauna silvestre nativa sem autorização do órgão competente.

Será realizada comunicação ao Ministério Público Federal para apuração de crime ambiental.
X
Olá! Faça seu cadastro no VitóriaNews.
{{app_feedback}}
{{getTitulo}}
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Comentando como
{{dados_login.nome}}
Sair
{{app_feedback_comment}}
{{comentario.nome}}
{{comentario.comentario}}
Notícias Relacionadas