Jogo educativo da BRK Ambiental orienta estudantes sobre meio ambiente, saneamento e saúde - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Sustentabilidade
Jogo educativo da BRK Ambiental orienta estudantes sobre meio ambiente, saneamento e saúde
Publicado por Redação VitóriaNews

A BRK Ambiental está realizando uma nova etapa de atividades do Programa Cuidar Mais, edição 2019, em escolas de Educação Infantil de Cachoeiro de Itapemirim, com o jogo educativo Corrida do Saneamento. A iniciativa visa reforçar a importância da preservação dos recursos naturais e melhorar o entendimento sobre saneamento entre alunos de escolas públicas e particulares do município e seus familiares.

O jogo educativo aplicado pela analista de Responsabilidade Socioambiental da concessionária, Micheline Bernabé, e pelo artista local Vitor Lendários, envolve duas equipes formadas por crianças de 5 e 6 anos, em que cada uma escolhe um colega para ser o peão do tabuleiro. As casas possuem informações sobre meio ambiente, saúde, reciclagem, preservação e saneamento básico, e, no desenvolver da atividade, canções infantis que falam sobre o meio ambiente são executadas.

Segundo Micheline Bernabé, durante a Corrida do Saneamento são passados conhecimentos importantes para transformar a maneira como as crianças se relacionam com os recursos naturais. “Por meio da ludicidade, do jogo e da música, conseguimos transmitir para os alunos da educação infantil temas de alta relevância. Entre eles, a importância de se consumir água tratada e a relação da coleta e do tratamento de esgoto para a saúde. Os alunos são estimulados a mudar hábitos e atitudes de consumo para, assim, contribuírem com o desenvolvimento sustentável e reduzir os impactos ambientais”.

Os profissionais das escolas reforçam a importância dos assuntos. Os professores, por exemplo, trabalharam os temas em sala de aula por meio de dois vídeos e atividades que incentivam a redução de geração de resíduos e o descarte correto, além do cuidado com os recursos naturais, especialmente o Rio Itapemirim, principal manancial de Cachoeiro de Itapemirim. Outro tema foi a importância dos hábitos de higiene pessoal. “O material auxiliou no debate com os alunos e contribuiu para as atividades serem desenvolvidas em casa com o apoio de familiares”, destacou a analista de Responsabilidade Socioambiental da BRK Ambiental.

A pedagoga da EMEB Sebastião da Rosa Machado, Patrícia dos Santos Chagas, que recebeu a visita do programa no dia 30 de agosto, ressaltou que a ação promoveu integração entre alunos da pré-escola e do maternal e professores participantes. “O projeto tem um desenvolvimento muito pertinente. Temos trabalhado a conscientização sobre o meio ambiente e sobre o uso responsável da água, temática importante por ser uma forma de conscientizar as crianças e mostrar que elas também fazem parte do meio ambiente e são protagonistas nos cuidados com o planeta”, pontuou.

Já a gestora da escola, Elizemar Bazoni Ribeiro, conta que os alunos ficaram encantados com a visita. “A ação realmente tocou as crianças e acrescentou no aprendizado delas. Os pais contam que elas chegam em casa falando sobre economizar água, por exemplo, e isso já sinaliza como o funcionam dentro do lar está mudando. Quando você trata esse assunto desde cedo, os alunos crescem entendendo melhor a importância do meio ambiente e sabendo o que fazer”, comentou.

A pedagoga Fabiana de Oliveira Bibiano, da EMEB Virgínia Athayde Coelho, disse que os estudantes ficaram muito envolvidos e gostaram de participar das atividades, tanto do jogo educativo quanto da parte da música. “Esta forma de dinâmica e o lúdico são sempre muito positivos. Nós acreditamos muito nesta proposta de usar a brincadeira para transmitir conhecimentos, e o projeto Cuidar Mais faz justamente isso: fala sobre o assunto de uma maneira que envolve as crianças”, afirmou.

A secretária municipal de Educação, Cristina Lens, considera a parceria relevante para a rede municipal, pois as atividades desenvolvidas pelo projeto reforçam os conteúdos aplicados em sala de aula e vão ao encontro de outros projetos ambientais desenvolvidos no cotidiano da escola. “Por ser tratar de utilização de metodologias diversificadas, com jogos e brincadeiras, os alunos se envolvem mais e, consequentemente, aprendem com mais facilidade”, ressaltou Cristina.

Em 2018, o Cuidar Mais atendeu 551 alunos do Maternal IV, Pré II e Infantil III, de nove Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBs) e do Instituto de Pesquisas Educacionais (IPE), e outros 1.878 estudantes do 5º ano de Cachoeiro de Itapemirim. Desenvolveu, também, eventos, Mostra Cultural, palestras e encontros com a comunidade em geral.

 

 

X
Olá! Faça seu cadastro no VitóriaNews.
{{app_feedback}}
{{getTitulo}}
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Comentando como
{{dados_login.nome}}
Sair
{{app_feedback_comment}}
{{comentario.nome}}
{{comentario.comentario}}
Notícias Relacionadas