Quem são as vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – As fortes chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul desde segunda-feira (30) causaram ao menos 13 mortes. Ao todo, 147 municípios foram afetados.

O governo Eduardo Leite (PSDB) decretou estado de calamidade pública. O decreto estabelece que órgãos públicos prestem apoio à população nas áreas afetadas, em articulação com a Defesa Civil.

Os temporais destruíram moradias, estradas e pontes. O presidente Lula (PT) foi a Santa Maria na manhã desta quinta-feira (2) para acompanhar os trabalhos de apoio às vítimas dos temporais.

*

CONHEÇA QUEM SÃO ALGUMAS DAS VÍTIMAS DA TRAGÉDIA

Elizane Milani Buss, 47

A casa de madeira localizada perto de um morro, onde ela estava com a família, em Itaara, cidade vizinha de Santa Maria, desmoronou na terça. Outros três parentes ficaram feridos.

Olide Pierina Brondani, 84

A moradora de Silveira Martins, na região de Santa Maria, estava desaparecida após deslizamento e foi encontrada soterrada na tarde de terça.

Emily Ulguin da Rocha, 17, e Liane Ulguin da Rocha, 45

Mãe e filha foram vítimas de soterramento na cidade de Santa Maria após deslizamento de morro sobre a casa onde moravam.

Edna Neves Ferreira, 15

A adolescente estava na casa da família, em São João do Polêsine, quando foi atingida por deslizamento. Ela foi a única que não conseguiu sair a tempo.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.