Quatro pessoas são indiciadas pelo tiroteio que deixou 2 mortos no CE

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Quatro pessoas foram indiciadas por envolvimento no tiroteio que matou duas pessoas e deixou oito feridas em um campo de futebol em Fortaleza.

A Polícia Civil do Ceará indiciou quatro suspeitos pelo tiroteio ocorrido no dia 21 de junho. Uma quinta pessoa também foi alvo de indiciamento, mas por ser membro de uma organização criminosa.

Os cinco foram detidos dias após o crime. As duas últimas prisões ocorreram no dia 24 de junho. São eles: quatro maiores de idade e um adolescente apreendido. Agora, a polícia segue com a investigação para saber se há outros envolvidos no tiroteio.

Uma criança de 10 anos e uma mulher de 48 foram assassinadas na arquibancada de um campo de futebol. O local é conhecido como Areninha do Jardim Violeta, no bairro Barroso. Os tiros teriam sido disparados por homens em dois carros.

Oito crianças e adolescentes ficaram feridos nesse ataque e encaminhados ao Hospital Instituto Dr. José Frota (IJF). Foram três meninas, com 11, 13 e 16 anos; e cinco meninos, com 8, 9, 10, 15 e 16 anos.

Vídeos divulgados em redes sociais mostram o desespero das pessoas após o ataque. As capturas dos suspeitos foram realizadas pelo DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) da Polícia Civil do Ceará.

Compartilhe: