Por onde anda Macaulay Culkin, ator mirim de ‘Esqueceram de Mim’

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Macaulay Culkin se tornou conhecido após protagonizar o filme “Esqueceram de Mim”, um clássico de Natal, mas, ao entrar na vida adulta, o ator saiu de cena. Nesta semana ele voltou a ser o centro das atenções ao ganhar uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood.

*Carreira de ator*

Macaulay Culkin foi uma estrela dos anos 1990. Além de “Esqueceram de Mim” 1 e 2, entre os 10 e 13 anos ele participou de filmes como “Meu Primeiro Amor” (1991), “O Anjo Malvado” (1993), “Mestre da Fantasia” (1994), “Riquinho” (1994) e “Acertando as Contas com Papai” (1994).

Ele deixou a profissão aos 14 anos. Na época, jornais afirmaram que o artista foi obrigado a gravar oito filmes em cinco anos pelo pai e então empresário, Christopher Culkin.

Mas Macaulay não parou de vez. Em 2021 ele fez aparição na série “American Horror Story” e em 2022 em “The Righteous Gemstones”.

*Para além da atuação*

A música também esteve presente em sua vida. Macaulay foi vocalista da banda The Pizza Underground, fundada em 2013. A banda fazia rock comédia parodiando outras músicas.

O astro apresenta o podcast Bunny Ears, em que conta histórias e faz entrevistas.

*Vida amorosa*

Faz quatro anos que Macaulay é casado com Brenda Song, atriz que ficou conhecida por fazer filmes da Disney. Eles têm dois filhos: Dakota, que nasceu em 2021 e recebeu o nome em homenagem à irmã do artista que morreu em um acidente de carro, e Carson, que nasceu no final de 2022.

Durante discurso de agradecimento ao ganhar uma estrela na Calçada da Fama, o astro se emocionou ao falar da esposa e dos filhos. “Gostaria de agradecer à Brenda. Você é absolutamente tudo. Você é a melhor pessoa que já conheci”, disse. “E depois do nascimento dos nossos dois meninos, você se tornou uma das minhas três pessoas favoritas”.

Brenda continua atuando. Seu trabalho mais recente foi a série “Dollface”, que teve duas temporadas e terminou em 2022.

*Problemas familiares*

Macaulay se emancipou em 1994 e nomeou um contador como seu responsável legal. Sua fortuna era avaliada em mais de R$ 200 milhões. Antes disso, sua carreira era agenciada pelos pais, Christopher Culkin e Patricia Bentrup.

De acordo com o jornal LA Times, a família passou por uma batalha judicial na disputa pela fortuna dele. Na época os pais se separaram. O artista ganhou na Justiça o direito de não ceder o dinheiro conquistado em seus trabalhos aos pais.

Ele tinha sete irmãos dos quais dois já morreram. Em entrevista à revista Times, Macaulay afirmou que o pai era um homem abusivo e que, enquanto dormia em uma cama grande e tinha uma televisão grande, fazia ele dormir com o irmão no sofá.

O artista também já foi preso em 2014. Ná época ele foi apreendido com 17 gramas de maconha e dois tipos de tranquilizantes em Oklahoma, EUA. A imprensa americana passou a dizer que ele tinha problemas psicológicos e com drogas.

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Pinterest
Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.