200 projetos avançam no edital de emendas parlamentares do deputado Felipe Rigoni - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Política
200 projetos avançam no edital de emendas parlamentares do deputado Felipe Rigoni
Parlamentar abriu edital pelo segundo ano consecutivo para R$ 12 milhões
Publicado por Redação VitóriaNews
Arquivo pessoal

A primeira etapa de avaliação do Edital de Emendas Parlamentares do deputado federal Felipe Rigoni foi finalizada. Dos 323 projetos inscritos, 200 continuam na disputa. Foram 28 dias de análise, ponderando três critérios definidos no edital: o quão estruturante é o projeto, qual o impacto gerado e a qualidade da proposta. Os selecionados serão agora submetidos à avaliação técnica do conselho de especialistas.

“Pelo segundo ano consecutivo, buscamos uma solução moderna, transparente e democrática para decidir sobre os recursos públicos. A qualidade e a diversidade dos projetos comprovam que os espírito-santenses desenvolvem ótimas iniciativas em todo o estado, o que faltava era uma ferramenta para dar visibilidade e oportunidade aos projetos. Nossas escolhas são pautadas por critérios técnicos, o que estimula a participação popular no mandato”, argumentou Rigoni.

Lançado no início de junho, o edital recebeu inscrições de todas as microrregiões do Espírito Santo. Embora a Metropolitana tenha o maior volume de projetos (66), foi a microrregião Central Sul quem mais aprovou na primeira etapa, com 87,50% de selecionados. Dos 78 municípios, 39 permanecem com representantes no edital. Vitória, com 39 projetos, Colatina (17) e Vila Velha (12) estão entre os municípios com maior número de aprovados.

“Uma de nossas preocupações foi a capacidade estruturante de cada projeto. O investimento precisa ter um efeito multiplicador, gerando sustentabilidade e expandindo a capacidade de atendimento nas microrregiões. Neste ano, promovemos também um ciclo de webinários para capacitar os interessados, o que garantiu propostas de alta qualidade”, pondera a coordenadora do gabinete do Espírito Santo, Julietty Quinupe.

O edital - Puderam participar órgãos públicos e instituições do terceiro setor com atuação no Espírito Santo. Após a primeira etapa de seleção, os projetos serão encaminhados para análise técnica do conselho consultivo do mandato, formado por especialistas de diferentes áreas. Definidos os finalistas, a população escolherá por meio de votação aberta em aplicativo onde cada recurso será aplicado. Os recursos serão liberados no orçamento de 2020.

 

A lista completa pode ser acessada em bit.ly/RigoniPrimeiraEtapaEdital

 

Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VitóriaNews.
Notícias Relacionadas