Indicação de Majeski pede suspensão do pagamento de jetons no Governo - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Política
Indicação de Majeski pede suspensão do pagamento de jetons no Governo
Majeski diz que a economia poderá chegar a R$ 5,4 milhões em 2020
Publicado por Redação VitóriaNews
Foto: Leonardo Tononi

O deputado estadual Sergio Majeski (PSB) apresentou a Indicação 859/2020 para o governador Renato Casagrande (PSB) suspender o pagamento de jetons (gratificações) aos integrantes de conselhos de órgãos, empresas ou autarquias de governo durante a pandemia da COVID-19. A economia poderá chegar a R$ 5,4 milhões.

De acordo com o Portal da Transparência, nos dois últimos anos do governo passado foram gastos mais de R$ 9 milhões de recursos públicos para o pagamento de jetons e outras gratificações e, em 2019, primeiro ano da atual administração estadual, o  Executivo desembolsou mais de R$ 7 milhões com o mesmo tipo de pagamento. Em 2020 o  Governo já gastou R$ 2,8 milhões com jetons, e se os pagamentos continuarem acontecendo, até o final do ano serão R$ 8,2 milhões gastos.

“Desde o meu primeiro mandato venho me manifestando publicamente contra os abusos cometidos pelo Poder Público com o pagamento de tais gratificações. As cobranças formais que fizemos não foram respondidas integralmente. Recentemente o próprio Governo já apresentou estimativa de queda na arrecadação em mais de R$ 3 bilhões. Essa proposta que fizemos é uma medida moralizadora para a administração pública”, destaca o deputado Majeski.

Já protocolada na Assembleia Legislativa, a Indicação 859/2020 de autoria de Majeski deverá ser votada pelos deputados na próxima sessão virtual, programada para segunda-feira (25).

“O cuidado com os recursos públicos deve ser permanente. Nem vamos entrar novamente no mérito se a existência e o trabalho desses conselhos e de outros colegiados remunerados são relevantes para a sociedade. Como está sendo amplamente divulgado, o momento agora é de enxugar despesas para direcionar investimentos no que realmente é essencial”, completa Majeski.

X
Olá! Faça seu cadastro no VitóriaNews.
{{app_feedback}}
{{getTitulo}}
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Comentando como
{{dados_login.nome}}
Sair
{{app_feedback_comment}}
{{comentario.nome}}
{{comentario.comentario}}
Notícias Relacionadas