Da Vitória pede suspensão da cobrança de pedágios em rodovias federais por coronavírus - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Política
Da Vitória pede suspensão da cobrança de pedágios em rodovias federais por coronavírus
Publicado por Redação VitóriaNews
Najara Araujo/ Ag Câmara
Como forma de reduzir os custos do setor de transporte de cargas, o deputado federal Da Vitória (Cidadania-ES) solicitou, nesta quarta-feira (25/03), ao Ministério da Infraestrutura, que seja suspensa a cobrança dos pedágios nas rodovias federais durante o período em que estiver vigorando o decreto de calamidade pública no País em decorrência da crise do novo coronavírus.

No pedido encaminhado ao ministro Tarcísio Freitas, Da Vitória pede a isenção da cobrança para os caminhões de cargas. Ele ressalta que o trabalho dos caminhoneiros é fundamental para o transporte de alimentos, medicamentos, equipamentos e outros produtos.

"Mais de 60% do transporte de cargas no País é realizado por meio das rodovias. E neste período em que enfrentamentos ao novo coronavírus, o setor empresarial está sendo profundamente atingido com a redução das vendas em decorrência da necessidade do isolamento social da população para evitar a proliferação do vírus. A isenção do pedágio nas rodovias federais durante será importante para reduzir o custo do frete e consequentemente das mercadorias", avalia Da Vitória.
X
Olá! Faça seu cadastro no VitóriaNews.
{{app_feedback}}
{{getTitulo}}
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Comentando como
{{dados_login.nome}}
Sair
{{app_feedback_comment}}
{{comentario.nome}}
{{comentario.comentario}}
Notícias Relacionadas