Plano de Abel desmorona, e Palmeiras acumula prejuízos antes do Dérbi

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O planejamento de Abel Ferreira para a partida contra o Fortaleza deu muito errado, e o Palmeiras acumula prejuízos para seu próximo compromisso no Brasileiro: o clássico contra o Corinthians, na segunda-feira (1º), às 20h (de Brasília), no Allianz Parque.

O PLANO QUE DEU ERRADO

O sistema tático não funcionou, e Palmeiras foi dominado pelo Fortaleza. Abel escalou uma equipe com quatro laterais: Marcos Rocha, Mayke, Piquerez e Caio Paulista. O time sofreu demais com os lançamentos do Fortaleza nas costas da defesa e teve muitas dificuldades para criar jogadas ofensivas. O ataque formado por Caio Paulista, Mayke e Rony também ficou longe de funcionar.

Outra novidade de Abel foi a utilização de Gabriel Menino na vaga de Raphael Veiga, como camisa 10 armador, mas também não deu certo. Menino perdeu um gol na cara do goleiro logo aos 5 minutos de jogo, errou muitos passes e foi substituído ainda no 1º tempo por Flaco López. O meio-campista sentiu um mal-estar antes da substituição.

A ideia era poupar, mas Abel acabou usando seus principais jogadores no confronto. Estêvão e Raphael Veiga começaram a partida contra o Fortaleza no banco de reservas, mas o meia entrou logo na volta do intervalo pela falta de produtividade da equipe, e o jovem de 17 anos entrou aos 15 minutos da etapa final. Mas não adiantou. Abel explicou que ambos não estavam 100% fisicamente.

“Esses dois jogadores tiveram problemas físicos, espero que nesta sexta-feira (28) o Departamento Médico não me diga que há lesões. É só isso que eu quero. Os dois problemas estavam com problemas nos adutores. Vocês sabem que o Veiga bate bola parada, falei com ele, ele é sério honesto e me disse que se jogasse o jogo todo seria difícil. Eu optei por colocar o Menino ali. Podia ter entrado com eles no início, mas minha função é mesmo essa: tomar decisões. E quando não ganhamos a responsabilidade é minha”, disse Abel Ferreira em coletiva de imprensa após a partida.

OS PROBLEMAS PARA O DÉRBI

Baixas para o Dérbi. O meio-campista Aníbal Moreno e o atacante Rony levaram o terceiro cartão amarelo contra o Fortaleza e estão fora do jogo contra o Corinthians.

A defesa, que já não conta com Gustavo Gómez (na Copa América), viu Murilo ser substituído com dores no tornozelo esquerdo —ele será reavaliado em São Paulo.

Para piorar a situação, o Palmeiras perdeu a chance de assumir a liderança do Brasileirão. O líder Flamengo perdeu por 2 a 1 para o Juventude e permaneceu com 24 pontos. O Palmeiras seria o novo líder se vencesse, mas levou 3 a 0 e seguiu com 23. Para piorar: foi ultrapassado por Bahia e Botafogo e caiu para a 4ª posição.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.