Pai é preso por suspeita de esfaquear filho autista e mandar vídeo para a mãe

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Um homem foi preso por suspeita de tentativa de homicídio após esfaquear o próprio filho na quarta-feira (29) na Vila Monumento, zona sul de São Paulo.

O adolescente, que é autista, foi atingido por dez vezes nas costas. Uma das facadas perfurou o pulmão, segundo a Polícia Civil. O garoto sobreviveu.

A polícia não divulgou a identidade do suspeito. Ele não apresentou advogado nem falou formalmente sobre o que aconteceu.

De acordo com delegado Fábio Daré, do 6º DP (Cambuci), o homem gravou um vídeo do adolescente ferido e encaminhou a filmagem para a mulher. O crime teria ocorrido após uma briga do casal e a intenção, ainda de acordo com o investigador, seria se vingar dela.

Ainda segundo a versão policial, instantes depois de receber o vídeo, a mãe foi até o imóvel e encontrou o filho ferido. Ele foi levado para o Hospital Cruz Azul.

Policiais civis então passaram a procurar pelo homem, que foi localizado e preso quando retornava para a residência, na mesma noite.

Ele teve a prisão preventiva (sem prazo) decretada pela Justiça.

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Pinterest
Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.