‘Mussum’ e ‘O Sequestro do Voo 375’ lideram indicações do prêmio Grande Otelo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Academia Brasileira de Cinema divulgou nesta sexta-feira os finalistas do prêmio Grande Otelo, antigo Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, umas das principais premiações do cinema nacional.

“Mussum, O Filmis”, de Silvio Guindane, e “O Sequestro do Voo 375”, de Marcus Baldini, lideram em a lista, cada um com 12 indicações. Os dois filmes concorrem com “Noites Alienígenas”, de Sérgio de Carvalho, “Nosso Sonho”, de Eduardo Albergaria, e “Pedágio”, de Carolina Markowicz.

A cerimônia deste ano vai celebrar o Cinema Novo e acontece na Cidade das Artes Bibi Ferreira, no Rio de Janeiro, em 28 de agosto. A transmissão do evento pode ser acompanhada pelo Canal Brasil e pelo canal da Academia no YouTube.

Veja os indicados das principais categorias.

*

MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICCÇÃO

“Mussum, o Filmis”, de Silvio Guindane.

“Noites Alienígenas”, de Sérgio de Carvalho.

“Nosso Sonho – A História de Claudinho e Bochecha”, de Eduardo Albergaria.

“O Sequestro do Voo 375”, de Marcus Baldini.

“Pedágio”, de Carolina Markowicz.

MELHOR LONGA-METRAGEM DE COMÉDIA

“Desapega!”, de Hsu Chien.

Minha Irmã e Eu”, de Susana Garcia.

“Os Farofeiros 2”, de Roberto Santucci.

“Pérola”, de Murilo Benício.

“Saudosa Maloca”, de Pedro Serrano.

“Três Tigres Tristes”, de Gustavo Vinagre.

MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO

“Andança – Os Encontros e as Memórias de Beth Carvalho”, de Pedro Bronz.

“Belchior – Apenas um Coração Selvagem”, de Natália Dias e Camilo Cavalcanti.

“Elis & Tom, Só Tinha de Ser Com Você”, de Roberto de Oliveira e Jom Tob Azulay.

“Nada Será Como Antes – A Música do Clube da Esquina”, de Ana Rieper.

“Retratos Fantasmas”, de Kleber Mendonça Filho.

MELHOR LONGA-METRAGEM ANIMAÇÃO

“A Ilha dos Ilus”, de Paulo G. C. Miranda.

“Bizarros Peixes das Fossas Abissais”, de Marão.

“Chef Jack, o Cozinheiro Aventureiro”, de Guilherme Fiuza Zenha.

“Perlimps”, de Alê Abreu.

“Uma Noite Antes do Natal”, de Nelson Botter Jr.

MELHOR LONGA-METRAGEM INFANTIL

“As Aventuras de Poliana – O Filme”, de Claudio Boeckel.

“Dois É Demais em Orlando”, de Rodrigo Van Der Put.

“Turma da Mônica Jovem – Reflexo do Medo”, de Mauricio Eça.

“Uma Carta Para o Papai Noel”, de Gustavo Spolidoro.

“Uma Fada Veio Me Visitar”, de Viviane Jundi.

MELHOR DIREÇÃO

Anita Rocha da Silveira por “Medusa”.

Carolina Markowicz por “Pedágio”.

Kleber Mendonça Filho por “Retratos Fantasmas”.

Marcus Baldini por “O Sequestro do Voo 375”.

Tomás Portella por “Aumenta que é Rock’n’ Roll”.

MELHOR ATRIZ DE LONGA-METRAGEM

Bárbara Paz por “A Porta ao Lado”.

Débora Falabella por “Bem-Vinda, Violeta”.

Drica Moraes por “Pérola”

Maeve Jinkings por “Pedágio”.

Vera Holtz por “Tia Virgínia”.

MELHOR ATOR DE LONGA-METRAGEM

Ailton Graça por “Mussum, o Filmis”.

Chico Diaz por “Noites Alienígenas”.

Johnny Massaro por “Aumenta que é Rock’n’ Roll”.

Juan Paiva por “Nosso Sonho – A História de Claudinho e Buchecha”.

Paulo Miklos por “Saudosa Maloca”.

Yuri Marçal por “Mussum, o Filmis”.

Veja todos os indicados, incluindo as categorias de séries, em https://pgo2024.academiabrasileiradecinema.com.br/premio/finalistas/

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.