Motoristas de ônibus marcam greve para esta sexta-feira (1º) de SP

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Os motoristas e cobradores de ônibus da cidade de São Paulo anunciaram que estarão de greve nesta sexta-feira (1º). A paralisação, diz a categoria, é um protesto contra o cancelamento do resultado das eleições do SindMotoristas (sindicato dos motoristas e trabalhadores dos ônibus de São Paulo) pela Justiça.

Esta será a segunda paralisação dos ônibus municipais em dez dias. No dia 21 de novembro, trabalhadores do sistema fecharam terminais em meio à eleição, na véspera do encerramento da votação.

O sindicato afirma que o TRT (Tribunal Regional do Trabalho), no processo que trata da suspensão das eleições, agendou e cancelou duas audiências de conciliação. A entidade entende que o cancelamento do pleito desrespeita o estatuto da entidade e a Constituição federal.

A suspensão do resultado da eleição atendeu a pedido apresentado por uma das chapas que disputou a pleito, o Grupo Oposição e Luta —contrário à atual direção. Segundo a apuração dos votos, a chapa que representa a atual diretoria do sindicato venceu a disputa com cerca de 14 mil dos 20 mil votos.

O cancelamento da eleição foi confirmado em segunda instância pelo tribunal.

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Pinterest
Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.