Moradores do Complexo da Maré relatam tiros durante operação policial

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Tiros foram registrados, e escolas e hospitais tiveram funcionamento impactado por uma operação policial no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro, na manhã desta quarta-feira (3).

Operação ocorre na região do Parque União. A informação foi confirmada por associações comunitárias e por moradores, que publicaram vídeos nas redes sociais de tiros sendo disparados. A plataforma Fogo Cruzado, que monitora violência armada no estado, também confirmou registro de tiros.

Ação da polícia mira lavagem de dinheiro do Comando Vermelho na região. Segundo a TV Globo, 16 mandados de prisão são cumpridos e um dos procurados é o chefe do CV na comunidade. A Polícia Civil foi questionada sobre a operação, mas não deu qualquer retorno ao UOL até a publicação desta nota. A Polícia Militar também foi procurada e informou que não participa da ocorrência.

Escolas impactadas. Ao UOL, a Secretaria Municipal de Educação informou que 22 unidades escolares foram afetadas pelas operações em curso.

Unidades de saúde foram parcialmente afetadas. A UPA da Maré está funcionando normalmente, informou a Secretaria Estadual de Saúde. A Clínica da Família Jeremias Moraes da Silva interrompeu o funcionamento nesta manhã e a CF Batista dos Santos continua a atender a população, mas suspendeu atividades externas.

Compartilhe: