Lula parabeniza Starmer por vitória no Reino Unido

BOA VISTA, RR (FOLHAPRESS) – Líderes mundiais parabenizaram nesta sexta-feira (5) o trabalhista Keir Starmer pela vitória na eleição do Reino Unido, que encerrou 14 anos de governo conservador.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) saudou Starmer e desejou um “ótimo mandato”. “Conte com o Brasil para o fortalecimento dos laços diplomáticos entre nossos países, o desenvolvimento sustentável e o fortalecimento da democracia”, afirmou Lula em publicação no X com uma foto cumprimentando Starmer.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, ligou para Starmer e disse estar ansioso para trabalhar em “estreita colaboração” numa série de questões críticas, incluindo no apoio à Ucrânia em sua guerra contra a Rússia. “Os líderes reafirmaram a relação especial entre as nações e a importância de trabalharem juntos em apoio à liberdade e à democracia em todo o mundo”, disse a Casa Branca em comunicado.

Já o presidente ucraniano, Volodimir Zelenski, agradeceu ao novo premiê britânico pelas garantias que teriam sido feitas por ele de que o Reino Unido manterá o apoio na guerra. “A Ucrânia e o Reino Unido foram e continuarão a ser aliados confiáveis em todos os momentos. Continuaremos a defender e promover os nossos valores comuns de vida, liberdade e uma ordem internacional baseada em regras”, escreveu ele no aplicativo de mensagens Telegram.

Na Rússia, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, disse que Londres continua hostil em relação a Moscou. Portanto, acrescentou, é improvável que o presidente Vladimir Putin parabenize Starmer pela vitória, segundo a agência de notícias estatal Tass. O Reino Unido faz parte da Otan, a aliança militar ocidental liderada por Washington, e tem enviado ajuda a Kiev.

O presidente da França, Emmanuel Macron, foi outro líder que parabenizou o trabalhista, e afirmou que ambos continuarão o trabalho “pela cooperação bilateral, para paz e segurança na Europa, para o clima e para inteligência artificial”.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, disse que espera trabalhar com Starmer em uma “parceria construtiva para enfrentar desafios comuns e fortalecer a segurança europeia”.

Justin Trudeau, premiê canadense, chamou a vitória de Starmer de histórica. “Muito trabalho à frente para construir um futuro mais progressista e justo para pessoas dos dois lados do Atlântico”, disse Trudeau.

Outro líder de um país com um passado entrelaçado ao do Reino Unido que congratulou Starmer foi Narendra Modi, premiê indiano, chamando a vitória trabalhista de notável. “Espero nossa colaboração positiva e construtiva para fortalecer a parceria estratégia Índia-Reino Unido em todas as áreas”, publicou Modi no X.

O presidente de Israel, Isaac Herzog, também parabenizou o trabalhista. “Espero trabalhar em conjunto com ele e com o seu novo governo para trazer os nossos reféns para casa, para construir um futuro melhor para a região e para aprofundar nossa amizade”, disse Herzog.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.