Lucas Paquetá é acusado pela federação inglesa em investigação por apostas

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – O meia Lucas Paquetá, do West Ham, foi formalmente acusado pela Football Association (FA) —a federação inglesa— por conta de uma suposta manipulação de eventos em partidas para mexer com o mercado de apostas.

O jogador é acusado de ter levado cartão amarelo de forma proposital para influenciar que “uma ou mais pessoas lucrassem com apostas”, disse a FA, em comunicado divulgado nesta quinta-feira (23).

Paquetá é acusado de agir de forma indevida em quatro partidas. São os duelos contra contra Leicester (2022), Aston Villa (2023), Leeds (2023) e Bournemouth (2023), todos válidos pelo Campeonato Inglês.

A decisão de acusar o jogador não é uma suspensão provisória. Paquetá continua com direito de jogar pelo seu clube e pela seleção brasileira.

Paquetá tem até 3 de junho para apresentar uma resposta à federação inglesa. O jogador nega as acusações e já se manifestou publicamente após a divulgação da acusação da FA.

A FA informou que não fará comentários adicionais sobre o assunto até a conclusão do caso.

O jornal The Times diz que, “pelas regras da FA, a punição em caso de condenação pode ir de uma suspensão de seis meses a banimento”.

“Estou extremamente surpreso e chateado com o fato de a FA ter decidido me acusar. Cooperei com todas as etapas da investigação e forneci todas as informações que pude durante estes nove meses. Nego as acusações na íntegra e lutarei com todas as minhas forças para limpar meu nome. Devido ao processo em andamento, não fornecerei mais comentários”, disse Paquetá.

O QUE DISSE O WEST HAM

“O West Ham está ciente da acusação da FA recebida por Lucas Paquetá por supostas infrações as regras [da federação]. Lucas nega categoricamente a violação e continuará defendendo fortemente sua posição. O clube continuará a aguardar e apoiar o jogador durante todo o processo e não fará mais comentários até que o assunto seja concluído.”

E A SELEÇÃO?

Paquetá está no grupo da seleção brasileira que disputará Copa América e amistosos a partir do mês que vem. A CBF analisa a situação e deve se posicionar ainda nesta quinta-feira (23).

Quando houve a notícia inicial da suspeita sobre ele, em 2023, o jogador ficou fora das convocações de Fernando Diniz por decisão do treinador.

E diante da demora da FA para resolver a questão, Paquetá voltou a ser chamado por Dorival Júnior na primeira data Fifa de 2024.

POR QUAIS JOGOS ACUSAM PAQUETÁ

West Ham 2 x 0 Leicester (12 de novembro de 2022) – cartão amarelo aos 15 minutos do segundo tempo

West Ham 1 x 1 Aston Villa (12 de março de 2023) – cartão amarelo aos 25 minutos do segundo tempo

West Ham 3 x 1 Leeds (21 de maio de 2023) – cartão amarelo aos 20 minutos do segundo tempo

Bournemouth 1 x 1 West Ham (12 de agosto de 2023) – cartão amarelo aos 49 minutos do segundo tempo

ARTIGO QUE O PAQUETÁ FOI ENQUADRADO

E5 – “Um participante não deve, diretamente ou indiretamente, tentar influenciar para um propósito impróprio o resultado, progresso, conduta ou qualquer aspecto, ou ocorrência ou em conexão com, uma partida de futebol ou competição”.

F3 – “A alegação é que o participante falhou em providenciar informação em resposta à FA, durante uma entrevista.”

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.