domingo, 26 junho, 2022
em conformidade com o que estabelece a junta comercial do es - jucesspot_img

‘Brasil está de parabéns na sua relação com o mundo’, avalia Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira, 18, que sua viagem à Rússia e a Hungria demonstram que “o Brasil está de parabéns com sua relação com o mundo todo”. Ele citou acordos e protocolos de intenção assinados na Rússia, mas afirmou que “o saldo mais positivo” residiu no fato de ele ter estado “por duas horas, a um metro e meio do senhor Vladimir Putin, numa conversa bastante saudável”.

Bolsonaro esteve em Petrópolis, na região serrana do Rio, e fez um sobrevoo sobre as áreas mais atingidas pelas chuvas. Ele estava acompanhado de ministros e outras autoridades, que falaram sobre ações do governo federal para tentar minimizar os impactos da tragédia.

Ao final, o presidente respondeu a poucas perguntas, e numa delas tratou de sua viagem ao exterior. Ele repetiu que foram tratados diversos assuntos no encontro que teve com Vladimir Putin, incluindo a crise com a Ucrânia. “Teve, obviamente, essa questão que leva certa tensão no mundo. Foi uma conversa reservada”, desconversou.

Bolsonaro repetiu também sobre o saldo efetivo da viagem. “Juntamente com o empresariado russo, tivemos o compromisso de liberar fertilizantes para a nossa agricultura – precisamos disso para poder bem produzir. Tivemos a palavra final de uma empresa russa comprando uma empresa que vai produzir fertilizantes em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul”, comentou. “Assinamos alguns acordos ou protocolos de intenções voltados para a área de Defesa, na área de energia e prospecção de petróleo.”

Apesar disso, para o presidente o principal ponto da viagem esteve na sua conversa com o presidente russo. “De mais positivo: estive, por duas horas, a um metro e meio do senhor Vladimir Putin, numa conversa bastante saudável, até alguns momentos de descontração, que bem demonstra o carinho que ele tem para conosco”, disse.

“Eu agradeci uma coisa a ele, de público e em particular também, o que nós é muito claro: a nossa região do Amazonas. Por mais de uma vez teve na mesa de negociação de líderes mundiais de quem pertencia a soberania da mesma, e a resposta dele nesses momentos foi de que ele sempre esteve ao nosso lado. Questões climáticas, que envolvem a Amazônia, a soberania é do Brasil. Um grande aliado ao nosso lado por essa questão tão clara que é a soberania”, sustentou Bolsonaro, que disse ainda que “a viagem foi fantástica”.

Hungria

Sobre o encontro com líderes da Hungria, o presidente classificou a passagem como “excepcional”. Segundo ele, “guardando as devidas proporções a Hungria é um dos países que mais cresce economicamente. Mais um trabalho das excelentes relações que temos com o mundo todo”, afirmou Bolsonaro.

Para ele, “o Brasil está de parabéns com sua relação com o mundo todo”. O presidente ainda complementou a fala discursando sobre a economia brasileira. “Deixo claro: a economia está demonstrando a sua vitalidade. Janeiro foi um dos anos (sic) que mais entrou dólar no Brasil. A nossa moeda, o real, é uma das que mais têm se valorizado no mundo todo”, finalizou o presidente.

Marcio Dolzan
Estadao Conteudo
Copyright © 2022 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

POSTAGENS RECENTES

EDITORIAS

Relacionadas