No ES, idosos representam 65% dos que não retornaram para a 2ª dose da AstraZeneca - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Geral
No ES, idosos representam 65% dos que não retornaram para a 2ª dose da AstraZeneca
Publicado por Redação VitóriaNews
Tânia Rêgo/ABr

Dos 12.708 capixabas que tomaram a vacina Covishield (Fiocruz/Oxford) – também conhecida como AstraZeneca, e não retornaram para complementação do esquema vacinal, cerca de 65% são idosos acima dos 60 anos.

“Muita atenção à pessoa idosa. A 1ª dose inicia o processo de geração da imunidade e a segunda consolida. Esse grupo precisa ser protegido e fica aqui o meu apelo a todos aqueles que têm vínculo, que seja responsável legal ou os idosos com autonomia, verifiquem o momento de tomar para que a 2ª doses seja feita”, disse o subsecretário de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin.

O levantamento foi feito com base nos dados nominais da população vacinada no período desde o início da Campanha de Vacinação contra a Covid-19, no dia 18 de janeiro deste ano até o dia 20 de março.

“São 8.238 idosos que ainda não retornaram ao serviço de saúde para ter a sua segunda dose aplicada. Fazemos esse chamado tão importante à população, procure o serviço de saúde da sua cidade, os municípios têm trabalhado com estratégias extramuros também para facilitar o acesso”, incentivou a coordenadora do Programa Estadual de Imunizações e Vigilância das Doenças Imunopreveníveis, Danielle Grillo.

A coordenadora ressaltou que, apesar do cenário epidemiológico ser de estabilidade no número de óbitos, a população idosa apresenta a maior taxa de letalidade pela Covid-19, por isso, a importância de garantir 100% da cobertura vacinal deste público.

Ainda esta semana, o Estado fará o envio de mais de 150 mil doses Covishield, que chegaram no último domingo (20), para que os municípios iniciem a aplicação das segundas doses. A antecipação do envio, completando dez semanas de intervalo (70 dias), é uma orientação encaminhada nesta semana aos municípios capixabas, visando garantir o acesso dentro do prazo recomendado.

Estratégia reduziu 23% número de esquemas não completados

O Programa Estadual de Imunizações tem realizado semanalmente listagem nominal de pessoas que ainda não compareceram para receber a segunda dose.

A lista é encaminhada aos municípios sob a orientação de realizar a busca ativa destas pessoas por meio da atuação das equipes de Atenção Primária em Saúde do território.

Na semana do dia 07 de junho ao dia 18 do mesmo mês, 3.943 pessoas retornaram ao serviço de saúde para receber a segunda dose, representando uma redução de 23%.

Com novos esquemas de segundas doses prestes a completar 12 semanas no início do próximo mês de julho, a coordenadora destacou o esforço para que todos possam reduzir este dado.

“É resultado de um esforço conjunto entre o Estado e os municípios em realizar a busca ativa dessas pessoas, trabalhamos para zerar este número, além de conscientizar à população de que a complementação do esquema vacinal é o responsável por garantir a imunidade e os benefícios que a vacina tem contra a Covid-19”, informou.

Saiba quantas pessoas ainda não retornaram para a 2ª dose da Fiocruz por município, clicando aqui.

SMS para quem está com segunda dose atrasada

Uma nova estratégia iniciada pela Secretaria da Saúde, em parceria entre o Programa Estadual de Imunização e a Gerência de Tecnologia da Informação, é o envio de mensagens via SMS para quem se encontra com esquema da vacina AstraZeneca em atraso em mais de 85 dias.

O objetivo é garantir uma comunicação assertiva e direta com a população, de forma a auxiliar na complementação do esquema vacinal. O envio será realizado semanalmente.

Aqueles cidadãos que têm um número móvel cadastrado no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SIPNI) e estão com a data superior às 12 semanas de intervalo receberão a seguinte mensagem: “ATENÇÃO: sua segunda dose da vacina contra a Covid-19 está em atraso. Procure a Unidade de Saúde do seu município de residência para informações".

Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VitóriaNews.
Notícias Relacionadas