quarta-feira, 29 junho, 2022
em conformidade com o que estabelece a junta comercial do es - jucesspot_img

MP investiga 84 empreendimentos por fraude do IPTU em SP

SÃO PAULO – O Ministério Público Estadual diz que 84 grandes empreendimentos da cidade de São Paulo, entre shoppings centers e edifícios comerciais e residenciais, conseguiram reduzir o pagamento do valor do Imposto Predial Territorial e Urbano (IPTU) por meio de pagamento de propinas a fiscais da prefeitura.

O esquema foi descoberto a partir de documentos apreendidos com integrantes da máfia do ISS, descoberta em novembro. Segundo o Ministério Público, ao vistoriar um novo empreendimento os fiscais lançavam uma metragem do imóvel menor do que a real. A diferença entre o valor real e subfaturado era pago como propina para a quadrilha formada por agentes públicos.

Os donos dos empreendimentos levavam vantagem porque a propina só era cobrada no primeiro ano. Nos demais, eles ficavam apenas com o imposto subfaturado.

Os envolvidos, tanto os funcionários públicos como os ligados às empresas fraudadoras, vão responder pelos crimes de falsidade ideológica, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e corrupção. As investigações ainda estão em fase inicial, e os nomes dos empreendimentos não foram revelados pelo Ministério Público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

POSTAGENS RECENTES

EDITORIAS

Relacionadas