Fãs de Madonna no show em Copacabana se fantasiam em homenagem à cantora

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) – O calor que se abateu sobre o Rio de Janeiro na manhã deste sábado fez muitos fãs de Madonna optarem por vir ao local do show com roupa de banho ou o mínimo de tecido possível.

Mas há também os que preferiram utilizar roupas mais impactantes, que homenageiam fases diversas da carreira da rainha do pop.

Iande Moura veio de Recife e decidiu replicar um dos figurinos que Madonna usava durante a turnê “Sticky & Sweet”, com a qual ela percorreu o mundo (incluindo o Brasil) entre 2008 e 2009. Uma cartola, uma fraque de mangas curtas com suas iniciais e um shortinho, que Iande adaptou para uma calça para combinar com o horário do show, que é de noite.

“Ela usava essa roupa quando cantava ‘Into The Groove’. Pra mim isso é inesquecível por que eu assisti a esse show no Brasil e essa é minha música preferida dela”, diz Iande.

Iago Vale, de Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, também homenageou um look usado por Madonna em uma turnê, mas escolheu o figurino com o qual a cantora abria o “The Girlie Show”, de 1993. É um figurino todo preto, com short curto, luvas e uma máscara estilo Dominatrix. O espetáculo também passou pelo Brasil e era a divulgação do álbum “Erotica”, um dos mais polêmicos de Madonna.

“Nessa época ela estava com os desejos sexuais muito aflorados, eu adoro isso, por isso decidi vir assim”, explica Iago.

Ygam Rebeca da Silva, de Niterói (RJ), também apostou em uma fase polêmica de Madonna. Ela decidiu replicar o famoso vestido de noiva feito de tule que Madonna usou para performar “Like a Virgin” no Video Music Awards da MTV (VMA) de 1984. O detalhe era o cinto usado por ela, que guardava as inscrições “Boy Toy”, que significa “homem objeto” em tradução livre.

“Eu cresci nos anos 80 e a Madonna mostrou para a minha geração que a mulher poderia ser sexy sem ser vulgar, com toda a liberdade do mundo”.

Ela conta que não se sentiu intimidada pelo calor: “Moro no Rio de Janeiro, estou acostumada com sol e Carnaval. Hoje pra mim é como se fosse um Carnaval fora de época”.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.