sábado, 13 agosto, 2022
em conformidade com o que estabelece a junta comercial do es - jucesspot_img

Vaiado na Vila, Ganso veste camisa do Santos e cogita retorno: ‘Quem sabe um dia’

Alvo de vaias na Vila Belmiro, Paulo Henrique Ganso marcou um gol de pênalti contra o Santos na noite desta segunda-feira e comemorou gesticulando como um maestro diante de uma orquestra, da mesma maneira que fazia nos tempos em que jogava pelo time paulista. Ao fim da partida, negou que o gesto tenha sido uma provocação e ainda deu a entender que gostaria de voltar a defender o clube no qual foi revelado. Além disso, deixou o gramado vestindo a camisa alvinegra.

“Não é provocação, é um agradecimento. Fui muito feliz aqui, marquei a minha história e conquistei muitos títulos. Agradeço o carinho de todos. Ao jogar contra, o pessoal me xinga… isso é normal para jogador de futebol. Eu sei que tenho o carinho deles, eu tenho carinho pelo clube. Quem sabe um dia, mais para frente, eu possa voltar e a gente possa se reencontrar”, afirmou o meia em entrevista ao canal SporTV.

Autor do gol do empate por 2 a 2, aos 41 minutos do segundo tempo, o atacante santista Marcos Leonardo foi entrevistado ao lado de Ganso e recebeu elogios do jogador do Fluminense, antes de comentar que gostaria de jogar ao lado dele. “Ouvir palavras do Ganso me deixa muito feliz, porque assisti muito ele. Se Deus quiser, um dia ele vem para o Santos jogar, quando tem qualidade fica fácil”, brincou.

Depois da conversa com Marcos Leonardo, Ganso trocou de camisa com Ângelo, outro menino da Vila, e vestiu a peça com a gola levantada, estilo muitas vezes aderido por ele, Neymar e os demais companheiros no vitorioso time que faturou o tricampeonato Paulista, uma Copa do Brasil e uma Libertadores entre 2010 e 2012.

Alguns torcedores do Fluminense, contudo, não gostaram da atitude do meio-campista. Já vestindo a camisa tricolor, ele se aproximou do setor destinado aos visitantes na Vila Belmiro e conversou com a torcida, ouvindo as reclamações e respondendo.

Estadao Conteudo
Copyright © 2022 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

POSTAGENS RECENTES

EDITORIAS

Relacionadas