Atacante Pablo admite sondagem da Chapecoense, mas se diz realizado no Guarani - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Esportes
Atacante Pablo admite sondagem da Chapecoense, mas se diz realizado no Guarani
Publicado por Estadão Conteúdo

Com contrato válido com o Guarani até o dia 31, o atacante Pablo, que também chegou a ser utilizado como lateral, segue com futuro indefinido. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, o atleta confirmou que seu nome foi sondado pela Chapecoense, mas deixou claro que sua cabeça está no time de Campinas. Ele deu a entender que o desejo é permanecer no Brinco de Ouro por ter certa ligação com a cidade e com o próprio clube.

"Meu nome foi, sim, cogitado. Isso, para mim, é bom. Você vê que seu trabalho vem sendo reconhecido, as coisas vêm acontecendo como a gente sempre planejou. Fico feliz, mas não mais do que estar aqui. Sou um cara muito feliz e realizado no Guarani, independente das situações. Sou um cara daqui, sou campineiro. Claro que qualquer jogador tem ambições de jogar e ter objetivos maiores, mas isso já não cabe a mim. Claro que meu contrato se encerra, mas não tenho nada definido", disse o atacante.

Revelado pelo próprio Guarani, o atacante de 28 anos passou também por Monte Azul, Oeste, Atlético Mineiro, América-MG, CRB, Coritiba e Santa Clara, de Portugal. A diretoria bugrina aguarda o fim da Série B para negociar a renovação de jogadores que fazem parte dos planos do técnico Felipe Conceição.

"Todo jogador que faz a base, tem história no clube, tem identificação, como eu, tenho com o Guarani, de ter voltado, de estar tendo uma temporada dessa, isso sim é um trunfo, de pensar muito em uma decisão, se realmente se vou, se não vou. Enfim, isso são especulações, não tenho nada certo, não tenho nada concretizado. Isso daí eu quero deixar bem claro. Mas o trunfo do Guarani é isso. Eu sou um cara feliz, sou um cara que estou muito feliz aqui, em casa, com a minha família, no Guarani, a minha esposa está muito adaptada à cidade. Então às vezes uma decisão errada mexe com tudo. Então isso pode pesar muito em uma possível decisão", completou.

Por fim, Pablo comentou sua capacidade de atuar em diferentes posições. "Se nas duas posições, eu estiver exercendo a melhor forma possível, isso eu não vou querer definir uma posição. Até porque hoje em dia para um treinador, é mais fácil ele ter um jogador com uma versatilidade do que um jogador que faz uma posição só. Até no jogo, às vezes um treinador tem uma visão, tem uma estratégia de um jogador que é versátil e isso conta muito."

O Guarani encerra sua participação na Série B na sexta-feira, às 21h30, diante do Juventude, no Brinco de Ouro da Princesa. O time bugrino é o 13º colocado, com 48 pontos.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VitóriaNews.