Juventus demite Maurizio Sarri após eliminação nas oitavas da Liga dos Campeões - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Esportes
Juventus demite Maurizio Sarri após eliminação nas oitavas da Liga dos Campeões
Publicado por Estadão Conteúdo

Poucas horas depois da eliminação nas oitavas de finais da Liga dos Campeões para o Lyon, na sexta-feira, a Juventus anunciou a demissão do técnico Maurizio Sarri na manhã deste sábado. O clube comunicou a dispensa do treinador de 61 anos por meio de nota oficial.

"O clube gostaria de agradecer ao técnico por escrever uma nova página na história da Juventus ao vencer o novo título italiano seguido, o ápice de uma jornada pessoal que o fez escalar todas as categorias do futebol italiano", diz o comunicado da Juventus, ressaltando o nono título consecutivo do torneio nacional, o 34º da história do clube.

Sarri, que assumiu a Juventus em junho do ano passado para substituir Massimiliano Allegri, tinha contrato até 2022. No entanto, não resistiu à eliminação precoce na Liga dos Campeões. O time de Turim perdeu o primeiro duelo para o Lyon por 1 a 0, na França, e venceu o segundo na Itália por 2 a 1. Acabou eliminado pelo gol sofrido em casa.

Além do fracasso na competição europeia, Sarri também não foi capaz de conduzir a Juventus nesta temporada aos títulos da Copa da Itália, conquistada pelo Napoli, e da Supercopa, vencida pela Lazio. Ele deixa a "Velha Senhora" com 71,8% de aproveitamento. Foram 34 vitórias, oito empates e nove derrotas em 51 partidas.

Contratado para implementar uma mudança de filosofia na Juventus e apostar em um jogo mais atraente, a exemplo do que havia feito no Napoli, Sarri, apesar da conquista do Campeonato Italiano, não conseguiu transmitir suas ideias táticas para os jogadores e sua equipe ainda perdeu a solidez defensiva, característica historicamente marcante do time de Turim.

Segundo a imprensa italiana, Simone Inzaghi, técnico da Lazio desde 2016, e o argentino Maurício Pochettino, sem clube desde que deixou o Tottenham, são os mais cotados para substituir Sarri. Roberto Mancini, comandante da seleção italiana, também é cogitado. Zinedine Zidane, que também caiu nas oitavas com o Real Madrid, é tido como um sonho improvável do clube de Turim.
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VitóriaNews.