Stefanos Tsitsipas revela que quer contratar Gustavo Kuerten como seu treinador - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Esportes
Stefanos Tsitsipas revela que quer contratar Gustavo Kuerten como seu treinador
Publicado por Estadão Conteúdo

O grego Stefanos Tsitsipas, atual número 6 do ranking da ATP e um dos tenistas da nova geração que pode fazer frente a nomes como Novak Djokovic, Rafael Nadal e Roger Federer, é muitas vezes comparado, pelo seu estilo de jogo e também por algumas semelhanças físicas, ao brasileiro Gustavo Kuerten, três vezes campeão de Roland Garros. Ciente dessas comparações, o atleta de 21 anos brincou com elas durante uma "live" em suas redes sociais, afirmando já ter pensado em contratá-lo para ser seu treinador.

"Quero contratar o Guga para treinador. Lembro-me de alguns dos jogos dele quando era muito pequenino, em Roland Garros. Lembro-me apenas de como ele jogava em terra batida (saibro). Era um dos jogadores de quem eu gostava. Mas cresci mais vendo o Roger (Federer) e o Pete Sampras. Parecia muito relaxado, era muito talentoso e não parecia que se esforçava muito para conseguir ser tão bom", elogiou Tsitsipas em seu Instagram.

O tenista grego destaca que Guga é um fiel e perfeito representante do Brasil enquanto país. "Havia ali muita paixão. Ele é o representante perfeito para o tênis brasileiro porque é tão apaixonado e apaixonante como eles", confessou.

Atualmente, o jovem tenista conta apenas com seu pai, Apostolos, como técnico em sua equipe e poderia encorpar o time com a experiência de Guga, ex-número 1 do mundo.

Em 2019, os dois se encontraram pela primeira vez no Masters 1000 de Miami, nos Estados Unidos, em uma iniciativa do grego, que conseguiu marcar com o brasileiro através de sua equipe. Na ocasião, Tsitsipas elogiou Guga e disse que gostaria de atuar no Rio Open, torneio de nível ATP 500 no Brasil.

Guga, por sua vez, jamais atuou como treinador desde a sua aposentadoria, em 2008. Dedicou-se integralmente ao trabalho de suas empresas em Florianópolis, todas ligadas ao tênis, como o Instituto GK e a Escola Guga.
X
Olá! Faça seu cadastro no VitóriaNews.
{{app_feedback}}
{{getTitulo}}
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Comentando como
{{dados_login.nome}}
Sair
{{app_feedback_comment}}
{{comentario.nome}}
{{comentario.comentario}}