Espanha prende irmãos brasileiros suspeitos de ligação com Estado Islâmico

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – A Guarda Civil da Espanha prendeu dois irmãos brasileiros em Málaga por suspeita de ligação com o Estado Islâmico.

Investigações apontam que os suspeitos divulgavam propaganda do grupo terrorista na internet. Segundo a Guarda Civil espanhola, esses conteúdos eram divulgados via aplicativos de mensagem com criptografia e perfis nas redes sociais.

Os brasileiros são acusados de compartilhar atividades terroristas em vários locais. Eles também teriam publicado manuais de preparo de explosivos e envenenamentos, segurança cibernética, hacking e documentos que justificariam ataques suicidas.

Prisões foram feitas com o apoio do FBI e da Polícia Federal do Brasil. Após a detenção, os suspeitos foram encaminhados para Madri, e colocados à disposição da Justiça. Eles não tiveram a identidade revelada.

As autoridades espanholas também encontraram ligação dos brasileiros com suspeitos que já estão presos ou são investigados por outros países europeus.

A Europol cumpriu mandados de busca e apreensão em uma casa onde os dois brasileiros se abrigavam. O objetivo das buscas foi recolher mais provas sobre as suspeitas que a Guarda Civil da Espanha tem. As investigações ainda estão em andamento.

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Pinterest
Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.