Em meio à crise, vice do Corinthians revela chateação com Augusto Melo

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Armando Mendonça, 2º vice-presidente do Corinthians, revelou uma rusga com Augusto Melo, mandatário do clube.

Em enrevista ao UOL, Mendonça revelou estar chateado com Augusto Melo por não receber o apoio institucional do Corinthians após Sérgio Moura, ex-superintendente do clube, abrir uma queixa-crime contra ele por ameaça.

“Estou muito chateado, é claro. Ainda mais pela situação. É um ex-funcionário acusando um vice-presidente em exercício. O que se espera em uma situação como essa é o respaldo institucional. O que está acontecendo é um desrespeito ao cargo de vice, desrespeito à liturgia do cargo”, disse Armando Mendonça, vice-presidente do Corinthians.

O dirigente foi intimado a depor na Polícia Civil na próxima terça-feira (11).

Sérgio Moura pediu afastamento do cargo no dia 27 de maio motivado pelos desdobramentos do escândalo envolvendo os repasses da Rede Social Media Design, empresa intermediária do contrato com a Vai de Bet. A empresa rescindiu o acordo na última sexta (7).

O atual presidente do Corinthians perdeu força entre os seus aliados após os escândalos envolvendo o contrato com a Vai de Bet. A situação política do presidente é delicada, principalmente após a casa de apostas anunciar a rescisão.

Neste cenário, a oposição tem “prato cheio” para articular o pedido de impeachment. Membros de diferentes chapas de oposição se reuniram na última sexta (7) para tratar do assunto.

São necessárias 51 assinaturas para formalizar um pedido de impeachment. Depois disso, Romeu Tuma Jr, o presidente do Conselho Deliberativo, teria 30 dias para convocar ou não uma votação.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.