segunda-feira, 15 agosto, 2022
em conformidade com o que estabelece a junta comercial do es - jucesspot_img

Linhares pretende gerar mais de 20 mil empregos

Linhares foi o segundo município a gerar mais empregos no Estado entre janeiro e maio, com 1.327 admissões, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), e a expectativa da administração municipal é da criação de 20 mil postos até o fim de 2024.

O prefeito Bruno Marianelli destaca que essas conquistas só são possíveis graças ao planejamento iniciado há anos e colocado em prática passo a passo.

“O fator principal para a atração dessas empresas é o nosso planejamento, construído nos últimos 20 anos. Esse é o nosso cartão de visitas. Hoje, fruto desse planejamento, temos uma saúde e uma educação básicas de boa qualidade, uma cidade limpa e com infraestrutura completa, menor burocracia e um ambiente econômico e social propício para o crescimento”, ressalta.

Nos últimos sete anos, foram muitos os empreendimentos que escolheram Linhares para ampliar seus negócios. Algumas das empresas são a Brinox, Fibracem, P2A Embalagens Ltda, Fimag, Grupo Carone, Linhares Medical Center, Olam Internacional e Café Cacique.

A lista é extensa e conta, ainda, com Britânia, Randon, Milfarma, Megatec, Max Cor, Valeo, Fábrica da Cacau Show, Cranfos e Craf Brasil. Além da ampliação da WEG, expansão da Brametal, da Proteinorte e da Pump, do Grupo Dompel.

“A cidade se consolidou no processo de ampliação, modernização, diversificação e fortalecimento da dinâmica econômica da região, destacando-se como polo em franco desenvolvimento nos últimos anos no Espírito Santo”, completa Marianelli.

Em 2021, Linhares obteve o primeiro lugar no Espírito Santo no Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF), conforme divulgado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). Também recebeu Nota 10 da Controladoria-Geral da União (CGU), órgão do governo federal, por ser o único município capixaba e um dos oito do país a estar no topo do ranking em transparência no Brasil, além da Nota A do Tesouro Nacional.

Incentivos fiscais

Linhares tem apostado, também, em incentivos fiscais da \Sudene e complememnta com como a isenção de cinco anos de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para a construção de novos edifícios ou a ampliação dos mesmos.

O município faz parte, ainda, da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). Assim, as empresas que se instalam na área têm direito a incentivos fiscais que variam de 30% a 75% sobre o Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ), além de descontos no PIS/PASEP e Cofins para aquisição de novas máquinas.

“Temos um ambiente propício para a instalação de empresas, sempre como olhos em um desenvolvimento econômico que seja sustentável”, destaca o prefeito Bruno Marianelli.

POSTAGENS RECENTES

EDITORIAS

Relacionadas