Dona do Burger King diz que avalia compra das operações do Subway no Brasil

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Zamp, dona do Burger King e do Popeyes no Brasil, disse em comunicado divulgado ao mercado nesta sexta-feira (29) que está avaliando a oportunidade para assumir o controle da marca Subway.

O anúncio ocorre poucas semanas após a empresa comprar a operação do Starbucks por R$ 120 milhões do grupo SouthRock, que também controlava a rede de lanchonetes e está em recuperação judicial desde dezembro de 2023.

O grupo entrou com um pedido separado de proteção judicial do Subway em março deste ano declarando dívidas de R$ 482 milhões.

Assim como aconteceu no caso do Starbucks em 2023, uma notificação da proprietária norte-americana da Subway forçou o pedido de RJ da rede de lanchonetes.

Segundo a controladora, o pedido de recuperação judicial dos CNPJs que administravam as franquias Subway no Brasil foi necessário devido a, “entre outras circunstâncias, o cancelamento da sua licença de operação”.

A SouthRock disse em nota na ocasião que sua atividade como gestora das franquias não se confunde com aquela exercida pelos franqueados e operadores da marca, que não foram abrangidos no processo.

Segundo a Subway Corporate, o contrato de franquia master da rede no Brasil foi rescindido em outubro de 2023 e a companhia retomou o controle das operações e da relação com as franquias.

A Zamp afirmou no comunicado ao mercado desta sexta que “no curso dos seus negócios, é comum a avaliação de novas oportunidades de investimento que possam gerar valor para a companhia e seus acionistas”.

Compartilhe: