Conselho Tutelar entrega 263 crianças a suas famílias e ainda tenta localizar outras 80 em Canoas (RS)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Conselho Tutelar de Canoas, uma das cidades mais afetadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul, já conseguiu encontrar 263 crianças e adolescentes e entregá-los a seus respectivos responsáveis.

O órgão ainda tenta localizar outros 80 que estão separados de seus pais. A lista é atualizada minuto a minuto –no domingo (5), eram 249 crianças procuradas. O número caiu para 130 na noite de segunda (6) e depois para 85 na noite de quarta (8).

Após o avanço da tragédia no estado, as vítimas resgatadas foram conduzidas a diversos abrigos e, em alguns casos, separadas dos familiares. Espaços como escolas, igrejas e associações viraram centros de acolhimento para a população.

O Conselho Tutelar está realizando uma força-tarefa com outros órgãos e instituições do poder público para mapear a situação das crianças.

O número de mortos no estado subiu para 107 na quinta (9), segundo a Defesa Civil. A quantidade pode aumentar nos próximos dias, pois há um total de 136 desaparecidos, além de 374 feridos.

Há uma morte em investigação para determinar se, de fato, teve relação com os temporais. Ao menos 379 mil pontos estão sem energia, e 452 mil, sem água em decorrência das fortes chuvas que atingiram a região ao longo da última semana.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.