Ciclista campeã paulista morre atropelada durante treino em estrada de MG

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – A ciclista Laís Saes, de 43 anos, morreu na última quinta-feira (30), durante treino em uma estrada na região de Delfinópolis (MG).

Saes havia se consagrado campeã paulista de ciclismo de estrada em 2021.

Durante um treino na quinta, a ciclista estava pedalando com um grupo, quando foi atingida por um carro.

De acordo com a Polícia Civil de Minas Gerais, Laís estava em uma subida no momento do acidente, quando uma UTV passou pelo grupo de ciclistas;

A UTV, uma espécie de veículo offroad, semelhante a um quadriciclo, saltou do alto da subida e descendo pela mão contrária, atingiu a ciclista: segundo informações da TV TEM, o motorista fugiu sem prestar socorro, e ainda não foi identificado.

O velório será realizado neste sábado (1º), em Jundiaí (SP), no centro da cidade, e em seguida, será levado ao crematório de Itatiba (SP).

Ativa nas redes sociais, com mais de 32 mil seguidores, Saes postava com regularidade sua rotina de exercícios e a paixão que sentia pelo esporte. Além do título paulista de 2021, ela foi campeã do 8º Brasil Road, e por ter sido a primeira mulher a pedalar na subida do Pico do Jaraguá, em Santa Catarina.

A ciclista havia escolhido a região da Serra da Canastra, especialmente a cidade de Delfinópolis, em busca de uma preparação melhor para competições nacionais de ciclismo de estrada. A cidade, pelo seu relevo, com muitas montanhas nas cercanias, era a preferida da atleta para os treinamentos.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.