Caiado diz que precisa ser conhecido para poder disputar Presidência em 2026

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil) disse nesta segunda-feira (3) que tem se apresentado desde já como pré-candidato à Presidência da República na eleição de 2026 porque precisa se tornar mais conhecido pela população de outros estados.

“Eu moro em um estado de quatro milhões de eleitores [atualmente são cinco milhões, segundo o Tribunal Regional Eleitoral de Goiás]. Se eu não andar, ninguém vai me ajudar. Eu sou o que mais tenho que caminhar. As pessoas precisam me conhecer”, disse Caiado durante o evento Brasil de Ideias, promovido pelo Grupo Voto.

Aliados de Jair Bolsonaro (PL) criticam com frequência políticos de direita que são cotados para lançar candidatura em 2026, afirmam que o ex-presidente conseguirá reverter sua inelegibilidade e que a ênfase deve ser nessa causa.

No evento, Caiado comentou os problemas na relação entre Planalto e Congresso no governo Lula (PT), ainda que não tenha citado o nome do presidente, e disse que, se eleito, não cederá a pressões.

“Você precisa saber o que você é. E o que você representa. Se estou no presidencialismo, sentado na cadeira de presidente, o governante sou eu. É preciso enquadrar cada um. Mas para isso é preciso autonomia moral”, disse.

“No meu terreno, não avança nenhum centímetro. Um governante que vive de ameaça não é governante. Você é presidente ou é preposto?”, completou.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.