Após mudanças feitas pela Globo, GNT reage e faz a audiência subir com Bial e Ewbank

ARACAJU, SE (FOLHAPRESS) – O GNT, canal do Grupo Globo dedicado ao público feminino na TV por assinatura, conseguiu elevar seu público nas últimas semanas. O crescimento ocorre após reforços na programação feitos para enfrentar uma má fase nos números de audiência.

Segundo dados consolidados obtidos pelo F5, mais de 4 milhões de pessoas assistiram ao canal entre 22 de abril e 1º de maio, semana em que as estreias na programação aconteceram. Os números são do PNT (Painel Nacional de Televisão) do Ibope.

Nesse período, o GNT teve a estreia de novos participantes no Papo de Segunda e o lançamento do programa Quem Não Pode Se Sacode, com Fernanda Paes Leme e Giovanna Ewbank. Além disso, o Conversa com Bial, talk-show liderado por Pedro Bial, passou a ter sua primeira janela de exibição no canal pago em horário nobre, horas antes de ir ao ar na TV aberta.

Cerca de 81% do público que assistiu aos novos conteúdos era composto por mulheres. Esses dados correspondem a um aumento de 61% na audiência, de 52% em share (participação no número de TVs ligadas) e 28% em alcance com relação ao período anterior de 2024, de 1º de janeiro até o dia 21 de abril.

Só o Conversa com Bial alcançou mais de 680 mil pessoas nas exibições do período, ocupando o TOP 3 em alcance entre o público feminino AB com mais de 40 anos –target ao qual o GNT dedica suas produções. A chegada de Bial aumentou em 222% o share da faixa horária, quando comparada à média anterior, e colocou o GNT no TOP 5 geral da TV por assinatura.

Já a nova temporada do Papo de Segunda (que agora conta com Eduardo Sterblitch e Russo Passapusso, da banda Baiana System, no elenco) foi visto por cerca de 544 mil pessoas. O programa ficou no TOP 4 entre o público feminino AB com mais de 40 anos.

Por fim, quase 1 milhão de pessoas assistiram aos episódios do Quem Não Pode Se Sacode. A atração ficou no TOP 5 entre o público feminino AB com mais de 40 anos e registrou um crescimento de 128% em alcance de indivíduos com TV Paga com relação à mesma faixa horária em 2024.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.