Acervo de Vilanova Artigas, com mais de 500 projetos, será doado à USP

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O acervo de Vilanova Artigas será doado à Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo no próximo dia 19 de junho. Em evento aberto ao público, o Instituto Virgínia e Vilanova Artigas vai chancelar a parceria para a salvaguarda, manutenção e divulgação dos mais de 500 projetos do arquiteto.

A obra de Artigas, um dos expoentes da arquitetura moderna brasileira, estava sob proteção da biblioteca da FAU desde o final dos anos 1990. Os documentos originais haviam sido transferidos à universidade pela Fundação Vilanova Artigas, instituição que funcionou entre 1986 e 2008, em 1999.

Em 2015, quando foi celebrado o centenário do nascimento do arquiteto, seus herdeiros —a filha Rosa e os netos Marco e Laura— “sentiram a necessidade de institucionalizar novamente a gestão do acervo pessoal, do nome e da imagem de Vilanova Artigas”, diz o Instituto Virgínia e Vilanova Artigas em nota.

A família agora realiza o desejo do arquiteto de que seu legado seja de fácil acesso a estudantes e pesquisadores brasileiros, segundo o texto do instituto.

Artigas foi uma das pessoas que fomentou a criação do curso de arquitetura da USP, separado da engenharia, em 1948. Além disso, assina o projeto do prédio que é sede da FAU na cidade universitária e leva seu nome.

O evento no dia 19, no Edifício Vilanova Artigas, na USP, terá uma solenidade com o anúncio da doação do acervo, além de uma mesa de homenagens, a abertura de uma exposição com os desenhos do projeto original da FAU e a exibição do documentário “Vilanova Artigas: O Arquiteto e a Luz”.

Compartilhe:

Últimas Notícias
Editorias

Assine nossa Newsletter

Purus ut praesent facilisi dictumst sollicitudin cubilia ridiculus.