Variedades

Comunidade de Jardim Camburi se mobiliza contra a violência

Por Redação VitóriaNews

Sábado (18), a partir das 17 horas, na Praça Nilze Mendes (Próximo a Faculdade Estácio), no Bairro Jardim Camburi,  acontece o primeiro Sambanejo da Paz, com diversos shows de músicos, com o objetivo de lançar o aplicativo em favor da segurança o Help Comunidade e pedir a adesão da Guarda Municipal e Policia Militar ao sistema.

O Help Comunidade é um aplicativo que veio para ajudar a diminuir a violência, no maior bairro do Espirito Santo (Jardim Camburi), a meta é sensibilizar o poder publico, de que o aplicativo, é importante para os quase 50 mil moradores da comunidade. Com um detalhe os  comerciantes do local, estão aderindo ao Help Comunidade, como uma forma de se ajudarem mutuamente, mas aguardando a adesão da Guarda Municipal e Polícia Militar, o que agiliza o socorro as vítimas, porque eles também terão acesso rápido junto aos comerciantes, impedindo os  assaltos,  como explica o criador do sistema o empresário Juninho Barbarioli “O aplicativo esta disponibilizado para o Governo e Prefeituras, já oficializados,  como uma força auxiliar, pois quando um comerciante  sentir se ameaçado, basta acionar o aplicativo, que todos os outros cadastrados saberão da ameaça, além da Policia Militar e Guarda Municipal.”

O Sambanejo da Paz tem o apoio da Associação de Moradores e Amigos de Jardim Camburi (AMOJAC), e terá como atrações o cantor sertanejo Marcelo Reis, Vlad AKS interprete da Escola de Samba Império de Fatima, Grupo de Samba Amigos do Jardim e outros. A entrada é franca, teremos barracas de comidas e bebidas tipicas, brinquedos para crianças, esporte de campo e quadra e muito mais.

Os organizadores prepararam camisas alusivas ao evento, panfletos e todo um aparato para mostrar as autoridades da segurança publica o quanto é importante a Guarda Municipal, Policia Militar e demais, que aceitem o Help Comunidade como uma força auxiliar de denuncias “O comercio de Jardim Camburi pede socorro, pois são inúmeros os assaltos diários na comunidades. Os responsáveis pela segurança do bairro, foram convidados para o evento”. 

Vítimas - Dora dos Celulares “Já fui assaltada quatro vezes e peço pelo amor de Deus, que a Guarda Municipal aceitem a aplicativo como instrumento de ajuda”.

Jair Teixeira  Presidente da Amojac “Já passou da hora da Guarda Municipal e Policia Militar aceitar o aplicativo Help Comunidades como parceiro”.

Rafael Barbarioli um dos proprietários da Churrascaria Coronel Picanha:  “Tudo que venha para agregar na segurança é importantes para nós, comerciantes.”

Andressa Chiabai do Super Mercado Chiabai: “Bela iniciativa, os comerciantes agradecem.”

Cosme Matos do Salão de Beleza do Geraldo: “O que as autoridades públicas estão esperando para aceitar o Help Comunidades como um elo entre eles e o comercio. Já era para ter aceitado a muito tempo. Este aplicativo foi uma ideia genial”.

 

 

Notícias Relacionadas