Cuidado! O que você plantar, colherá - Vitória News
Vitória News
Olá. Detectamos que você está usando o Internet Explorer ou o Edge.

Nosso site é compativel somente com os navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari ou Opera.

Use um desses navegadores caso já tenha instalado em seu dispositivo ou faça o download clicando no botão abaixo. Você será redirecionado para uma página onde poderá escolher o navegador que desejar e ele será baixado diretamente de sua página oficial de forma segura.
Clique aqui para atualizar o seu navegador
Opinião Pública
Cuidado! O que você plantar, colherá
Luiz Marins
Uma verdade que poucas pessoas parecem compreender é a de que você colherá aquilo que plantar. E há aqui dois sentidos a serem analisados nesta verdade contida até na Bíblia. Um deles é que quem plantar colherá. Ou seja, quem não plantar, não colherá. Isso quer dizer que você deve sempre cuidar do plantio, para poder colher. Outro sentido é o de que você colherá somente aquilo que plantar. Se plantar milho, colherá milho. Se plantar espinheiro, colherá espinheiro.

Há um texto escrito em 1957 por um conhecido autor americano chamado Earl Nightingale em que ele compara a mente humana com a terra e diz: “Suponha que um agricultor tem um campo de solo bem fértil. A terra dá ao agricultor a escolha: pode ser plantada naquela terra o que ele desejar. A terra não se importa. Tudo depende da decisão do agricultor. Eu comparo a mente humana com a terra. Para a mente, como para a terra, não importa o que você plantar. Ela sempre devolverá aquilo que plantar”.

E outro autor famoso, George Bernard Shaw escreveu: “As pessoas estão sempre culpando suas circunstâncias pelo que elas são. Eu não acredito em circunstâncias. As pessoas que vencem neste mundo são as pessoas que se levantam e procuram as circunstâncias que elas querem e se não as encontram tratam de criá-las pelo próprio esforço”.

Fico impressionado ao ver que muitas pessoas desejam colher sem plantar ou colher algo diferente do que plantaram. Vejo isso acontecer com empresas que querem colher lealdade de seus clientes e fornecedores, plantando deslealdade. Querem colher fidelidade, quando nunca foram fiéis. Desejam ter sucesso plantando hábitos de fracasso: não falam a verdade; não cumprem o que prometem; não se preocupam com a qualidade do produto ou do atendimento; não prestam assistência após a venda.

Querem colher o que jamais plantaram!

Essa antiga verdade precisa ser revisitada por cada um de nós de tempos em tempos. Como ter amigos leais? Como ser respeitado? Como ser promovido? Como ter uma vida familiar estável e feliz? Como ter filhos sem problemas? Como ter sucesso? Como ser feliz? Será que a resposta a essas perguntas tão básicas não estará exatamente no que temos plantado? Será que nós, também, acreditamos em poder colher sem plantar ou em ser capazes de colher algo diferente do que plantamos?

Pense nisso. Sucesso!